6 de jan de 2012

Lustre RecicLatas passo a passo


Um belo dia, decidi fazer esse lustre, que batizei de RecicLatas.

A inspiração veio de uma imagem da internet que eu coloquei entre outros exemplos geniais de lustres e luminárias feitas com tudo que é tipo de material reciclado neste post aqui

Acontece que não achei nenhum passo a passo, nenhuma dica e nem sequer os autores do lustre em canto nenhum.

Mesmo assim decidi que eu ia fazê-lo de qualquer maneira e me dispús ao desafio de testar minha criatividade e habilidades.



Depois de umas "cabeçadinhas" ele ficou pronto, funcionado e muito bacaninha.

Aí, de tão bacaninha, ele também passou a integrar o meu acervo pessoal de Protótipos para Exposições e/ou Mostras, com o objetivo de estimular a conscientização ambiental e a prática do Eco Desing de Produtos com a reciclagem de materiais, de forma a sensibilizar as pessoas sobre a importãncia da preservação do meio ambiente e pra servirem de mostruário (e igual inspiração), nas Oficinas de Iluminação com Luminárias + Sustentáveis que ministro também, onde  ensino à pessoas de todas as classes sociais, sexo e idades a confeccionarem esse e outros modelos de lustres, abajures, pendentes e candelabros feitos com aquilo que iria para o lixo.

Por isso faço mostras, exposições e ministro oficinas como as que aconteceram durante a Semana de Extensão no CEFET e o Primeiro Fórum Regional de Meio Ambiente e Sustentabilidade, a convite da Prefeitura Municipal de Itaguaí e da SEMAAP (Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Pesca), e com apoio e/ou patrocínio de empresas como a Vale, a Odebrecht, a Nuclep dentre outras.

As fotos com os resultados você vê cofere aqui.

Antes de seguirmos porém, tenho que te dar um esclarecimento adicional.

Planejei colocar várias fotos para ilustrar detalhadamente o passo a passo das etapas de execução de cada peça, de modo a ficar tudo bem explicadinho.
Acontece que as duas câmeras digitais que eu tinha se estragaram e ainda não pude adquiirir uma câmera nova, o que me obrigou a colocar o meu passo a passo por escrito.

Tentei escrever o mais detalhadinho possível e no caso de surgirem dúvidas é só deixar um comentário aqui, bem abaixo dessa postagem, que eu procurarei te responder tão logo eu puder.
Esse foi o único modo que, por hora, encontrei pra poder honrar esses primeiros posts do Desafio + Sustentável 2012 e cumprir o compromisso que assumi de levar esse projeto adiante aqui no blog.

Voilá!?

 Material utilizado:
  • 03 latas de alumínio médias (pode ser de leite em pó, achocolatados, cereais infantis etc), sem ferrujem ou amassados;
  • 01 tampa de lata de alumínio (pra servir de acabamento na caixa de luz do teto;
  • Pano seco e limpo;
  • 03 conjuntos de soquetes brancos (pode ser de plástico isolante ou cerâmica), para lâmpadas econômicas
  • 03 conjuntos de parafusos e porcas;
  • 03 lâmpadas (preferencialmente) do tipo econômicas de 11 watts luz do dia (brancas), mas pode usar a lâmpada que lhe agradar;
  • 03 metros de fio bipolar transparente de seção circular;
  • Fita isolante;
  • Araldite 10 minutos (Hobby - Cola epóxi);
  • 01 parafuso para fixação do acabamento superior na caixa de luz do teto
  • 01 barrinha metálica para suporte de luminárias (alguns chamam de pé de galinha (você encontra a venda em lojas de ferragens ou de iluminação);
  • Pedacinhos de arame fino ou parafusos (para a fixação do acabamento na caixa de luz do teto.
Ferramentas usadas:
  • Prego grande e grosso (ou a  própria chave de fenda ou a chave Philips);
  • Martelo ou até mesmo um batedor de carne;
  • Estilete ou tesoura;
  • Chave de fenda ou chave Philips;
  • Alicate de bico;
  • Alicate de corte.
Passo a passo:
  • Lave bem as 3 latas e a tampa com uma esponja, sabão e enxágue bem com água;
  • Retire os rótulos e remova todos os resíduos de cola usando álcool ou um solvente (tipo querosene);
  • Seque bem as latas com um pano limpo;
  • Faça um furo exatamente no meio do fundo de cada lata (é por ele que o fio vai passar, então faça o furo com um diâmetro de acordo com a grossura do fio) que vai utilizar;
  • Faça outro furo extra por onde o parafuso de fixação entre o soquete ao fundo da lata vai passar. Use o próprio soquete como molde e marque pela parte de fora do fundo da lata a distãncia exata por onde o parafusso vai passar;
  • Opcionalmente, faça mais 03 ou 04 furos ao redor do furo central para a saída do calor da lâmpada ( no meu eu não fiz porque usei as lâmpadas ecônomicas, que quase não esquentam);

  • Corte o fios em 3 pedaço de 1m. cada;
  • Remova a capa plástica externa nas duas pontas de cada fio com a ajuda de um estile ou tesoura. Faça isso com cuidado pra não cortar, nem desencapar os fios internos (o positivo e o negativo) e não provocar curto circuito no futuro;
  • Separe os 2 fios internos (o positivo e o negativo), de cada ponta de cada pedaço e desencape cuidadosamente esses fios também, a cerca de 3 cm até a ponta, com a ajuda do estilete ou uma faca. Muito cuidado também nessa etapa;
  • Afrouxe ou retire os 2 parafusos laterais superiores do soquete (eles ficam presos em plaquinhas de metal que dão contato, isto é, passam a energia elétrica para os fios). repita isso em cada soquete;
  • Enrole firmemente envolta dos parafusinhos do soquete cada uma das duas pontas já desencapadas dos fiozinhos. Repita isso nos outros 2 soquetes com seus devidos fios e suas devidas pontas  já desencapas;
  • Recoloque ou reaperte os parafunsos nas plaquinas de cada lado do soquete, cuidando que nenhum trecho desencapado dos fiozinhos enconste na outra. Pra assegurar ainda mais que não se toquem, enrole um pedacinho de fita isolante em cada fiozinhos e seus parafusos;
  • Coloque fita isolante também nos topos de cada soquete para garantir também que não passe energia entre os soquetes e os fundos da latas, o que provocaria choque elétrico;
  • Passe a outra ponta do fio pelo furinho central do fundo da lata e repita isso nas outras 2;
  • Passe o parafuso extra para unir o soquete no furo central do fundo da lata. Esse parafuso tem que ser enfiado no buraco maior do soquete, de baixo para cima e depois passe a ponta do parafuso de união pelo furo central da lata. Isso feito, atarrache a porca pelo lado de fora e use um alicate para apertar bem. Faça isso nas 3 latas;
  • Misture os 2 componentes da cola Araldite em partes iguais;
  • Coloque um pouco da Araldite na beirada de cima a na de baixo de cada lata, de modo a unir as 3 latas. Uma bo a medida é colocar as latas numa mesa pra essa etapa, Deixe secar por 10 minutos;
  • Faça um furo central e mais 3 furos equidistantes na tampa de alumínio que servirá como acabamento superior e passe cada fio de cada lata por cada furo;
  • Uma vez tendo passado os 3 fios, cada qual pelo seu buraco, pegue uma das pontas de cada dos 3 fiozinhos desemcapados e junte-os e modo a ter F2 grupos com 3 fiozinhos desencapados juntos.
  • Enrole o primeiro grupo de fiozinhos num dos fios que saem da sua caixa de iluminação do teto e depois enrole o outro grupo de fiozinhos no outro fio que sobrar;
  • Prenda a barra de suporte ( ou pé de galinha), na caixa de luz do teto com pedacinhos de arame ou outros parafusos e por último, encaixe o parafuso extra no furo dda tampa que servirá de acabamento prendendo-a na barra de suporte.

Essa aí foi a tal imagem que me inspirou.

Espero que você também tenha se inspirado e que esteja instigado, como eu fiquei ,a testar a sua criatividade e habilidades, quem sabe ando até um novo toque diferente e só seu nessa belezura.

Depois tem mais.



2 comentários:

Andréa disse...

Lecy,

Achei seu blog incrível, existem idéias fenomenais...mais acredito que para lidar do tema sustentabilidade deve usar um pouco mais de cuidado, pois o principal é reutilizar é ensinar o não desperdício, algumas idéias não levam a isso como fazer um lustre com formas de gelo, talheres e etc, ainda são úteis, já com garrafas de vidro, com pets e tudo que mostra com paletes acho formidável... Andréa

Lecy C. Picorelli disse...

Olá Andréa,
Compreendo seu argumento, mas não incentivo desperdício de forma alguma. Seria um contrasenso, não é mesmo?!
Ocorre que a reciclagem, no meu ponto de vista, não se limita ao que iria para o lixo, mas também ao que pode estar excedente e sem uso em nossas casas. Eu mesma tenho forminhas de gelo e talheres sobrando. Então, porque não dar um novo ciclo de vida a objetos sem utilidade, criando novos objetos com eles, não é mesmo?
Obrigada pela visita, pelo comentário e elogios.
Volte sempre pra acompanhar, comentar e opinar, ok?
Abs,

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...