15 de jun de 2011

Brasileiros pensam ecologicamente?

O Ministério do Meio Ambiente fez uma pesquisa para identificar comportamentos, opiniões e atitudes dos brasileiros, que demonstrassem sua maior adesão e pró-atividade no que tange à proteção do meio ambiente e à adoção de hábitos de consumo mais responsáveis e conscientes.
Da lista sugerida de ações ecologicamente corretas que a população se disporia a vestir a camisa no dia a dia, três tiveram maior adesão:

  •  A separação do lixo para a reciclagem com 66% de votos favoráveis;
  •  A eliminação do desperdício de água potável com 63%,
  •  A participação em campanhas para a redução de energia com 46%.

Mas muitos ainda são reticentes: 59% (número que chegou a 81% em Brasília), não acredita que os problemas ambientais possam ser solucionados com pequenas mudanças de comportamento, mas que somente grandes mudanças nos hábitos de consumo, transporte e alimentação podem realmente ajudar a conservar os recursos naturais e manter um ambiente saudável no futuro.

Entre os entrevistados 85% tem consciência que  qualquer mudança que o ser humano cause na natureza provavelmente vai piorar as coisas.
74% das pessoas gostaria de encontrar nas prateleiras dos mercados produtos ecoeficientes, ambientalmente responsáveis, mas apenas 10% estaria disposto à pagar mais por isso.
Na avaliação geral do resultado, a percepção dos brasileiros está mais positiva em relação ao meio ambiente, aos hábitos de consumo e às principais formas de contribuição para um futuro mais sustentável.


Para os entrevistados a informação ainda é um dos quesitos mais relevantes na hora da decisão. Mas é justamente isso, informação, o que ainda faz mais falta, já que 50% dos entrevistados disseram ser “mais ou menos” informados sobre meio ambiente e ecologia, enquanto 22% sentem-se mal informados e 26% com o nível de informação bom.

Números, infelizmente, ainda bem abaixo do que gostaríamos...
Donde concluímos que para o despertar e conscientização em massa dos brasileiros para as questões ambientais, o melhor caminho é mesmo a educação, a promoção de campanhas e muito, mas muito mais informação e divulgação dos bons exemplos e idéias já adotadas aqui Brasil e no exterior.

Eu sou uma eterna otimista!!!

Um comentário:

Yelcisor disse...

Oi Lecy!
Eu também sou uma eterna otimista!!!
Acredito que devagarinho vamos conseguir meios de concientizar...
bjokas!!
Rosy
http://yelcisor.blogspot.com

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...